HIGHDESIGNEXPO is part of the Global Exhibitions Division of Informa PLC

This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 3099067.

POR
ENG
BLOG
ELEMENTAL CHILE – PROJETOS OUSADOS E RECONHECIMENTO INTERNACIONAL

Conhecido por seus projetos de habitação social e intervenções em zonas de desastre ambiental, o arquiteto chileno Alejandro Aravena e o seu escritório Elemental foram eleitos pela revista chilena ED, como maior destaque da Arquitetura em 2015. Aravena também foi escolhido este ano para ser o diretor da próxima Bienal de Arquitetura de Veneza, que acontece entre 28 de maio e 27 de novembro de 2016.

Além dos projetos de arquitetura social, incluindo um conjunto habitacional popular em Paraisópolis, a Elemental se destaca por obras institucionais, como o premiado Centro de Inovação UC - Anacleto Angelini, vinculado à Pontifícia Universidade Católica do Chile.

Conheça um pouco mais da história do projeto que recebeu o primeiro lugar na categoria Arquitetura para os jurados do Designs of the Year 2015 – reconhecimento do Design Museum de Londres

Centro de Inovação UC - Anacleto Angelini

Em 2011 o Grupo Angelini abriu uma concorrência para a criação do Centro de Inovação, com doação de 18 milhões de dólares para o projeto.
Segundo entrevista de Alejandro Aravena para a revista ED, o projeto da Elemental ia contra o que se esperava convencionalmente para um local como aquele. “Geralmente se entende por contemporâneo ou inovador o uso do vidro. É uma questão de olhar como a cidade de Santiago é construída. Esse é um clichê, mas está muito enraizado na mente dos tomadores de decisões que temem não fazer o que o resto do clube está fazendo”.

É por isso que, segundo Aravena, uma das maiores inovações deste projeto veio do lado do cliente, que por fim, os escolheu. Eles concordaram em dar uma outra imagem ao edifício, já que a pior ameaça à um centro de inovação é a obsolescência. A resposta da Elemental foi a atemporalidade, que através de uma geometria simples concedia ao projeto a capacidade de mudar de função no futuro.

 

Durante a sua concepção, o escritório tentou responder à seguinte pergunta: Quais são as condições arquitetônicas que permitem a criação constante de conhecimento? Para eles, isto estava relacionado ao encontro entre pessoas. Era necessária uma comunicação permanente entre aqueles que circulariam no edifício.

“Multiplicar ao máximo as possibilidades de encontro cara a cara. Esqueça da internet e redes sociais. As coisas importantes acontecem pessoalmente”, explica Aravena.

 Veja fotos e detalhes do projeto no site da ArchDaily Brasil.

 
Foto: Equipe Elemental - Diego Torres, Víctor Oddó, Juan Ignacio Cerda, Alejandro Aravena e Gonzalo Arteaga - Crédito: Revista ED

 

 

28-30

AGO

2018

São Paulo Expo Exhibition & Convention Center

Rod. dos Imigrantes, Km 1,5 
São Paulo – SP

MAPA DO SITE   CONTATO