• Blog High Design is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Mobiliário sem limite entre residencial e corporativo? É o que você vai ver neste projeto.

Uma das grandes mudanças no mercado corporativo dos últimos anos está na formatação dos espaços de trabalho e também na forma como se trabalha. Algumas áreas dos escritórios ganharam atmosfera de casa com espaços de relaxamento e interação e, com o trabalho remoto, as casas ganharam espaços de trabalho. E o que aconteceu no mercado de mobiliário corporativo? Ele acompanhou essa mudança. Prova disso são as linhas de mobiliário que conversam muito bem nos dois ambientes. E é isso que a F. Way apresenta no Loft Refúgio, ambiente assinado pela arquiteta Consuelo Jorge para a CASACOR São Paulo 2019

Sofá Fatto da F.Way no ambiente de Consuelo Jorge | Foto: Fran Parente

Com 101m², o espaço oferece uma atmosfera elegante e calorosa dentro da praticidade dos ambientes integrados. Consuelo buscou referências nos materiais naturais, como madeira e pedra, criando contrastes aplicados de forma consciente e tecnológica. Logo na entrada, o sofá Fatto chama atenção. Ele tem desenho da arquiteta e foi produzido pela F.Way.

As cadeiras Appia podem ser feitas em diversas cores | Foto: Fran Parente

Mais adiante, as cadeiras Appia se juntam à mesa de jantar. Appia possui design assinado por Christoph Jenni e mostra como uma peça se adapta às diversas situações e ambientes.

A poltrona Frog da F.Way com pufe | Foto: Fran Parente

A poltrona Frog também aparece no projeto. A peça tem design assinado por Christoph Jenni. O designer vive na cidade de Berna, mas cresceu no Brasil. Christoph combina as duas culturas de design em seu trabalho. O estilo de vida nórdico foi a inspiração desta pequena e confortável cadeira estofada com puff.

F.Way está entre os expositores confirmados para a High Design Expo 2019. A feira acontece de 21 a 23 de agosto de 2019. Credenciamento gratuito e exclusivo para profissionais do segmento, lojistas, compradores, redes hoteleiras, entre outros. Clique aqui e faça seu cadasto.

Alta tecnologia da linha Decor da Pormade em ambientes assinados por Léo Shehtman

As primeiras edições da CASACOR abriram as portas há poucos dias. E o arquiteto Léo Shehtman levou produtos da linha Decor da Pormade para as mostras de São Paulo e Paraná. Os papéis de parede e biombos da coleção vem ganhando cada vez mais espaço no mercado de arquitetura e design de interiores. Eles são desenvolvidos com tecnologia de ponta e padrão internacional de qualidade e acabamento.

Na Casa do Fauno para a CASACOR São Paulo, Léo Shehtman escolheu dois itens da linha. O papel de parede degradê e o biombo com grafia quadriculada. Ambos assinados pelo próprio arquiteto em colaboração com a Pormade.

Papel de parede degradê, personalizado e assinado pelo arquiteto em tons de marrom | Foto: Divulgação

O papel de parede da Pormade possui alguns diferenciais importantes para o consumidor. “Nosso papel é impresso no UV, um material que não propaga fogo, é lavável e não desbota”, explica a Diretora de Marketing, Beatriz Bollbuck.

Já na CASACOR Paraná, o arquiteto utiliza três produtos da linha Decor. O ambiente de 72 m² é marcado por tons densos e grafismos acentuados. O espaço tem uma cartela de cor enxuta, com nuances entre o preto e branco. O que só é quebrado por peças pontuais, como o sofá, as almofadas e obras de arte. O protagonismo fica a cargo do papel de parede de gavetas envelhecidas.

Papel de parede Memórias, linha exclusiva assinada pelo arquiteto | Foto: Eduardo Macarios
Papel Orgânico Floresta Densa da Porma no banheiro da Casa Pormade da CASACOR Paraná | Decor By Léo Shehtman
Biombo Diagonal da Pormade, branco com impressão em HD. Com altura de 1,80m e 3 folhas de 40 cm cada.

A Pormade está entre os expositores confirmados para a High Design Expo 2019. A feira acontece de 21 a 23 de agosto de 2019. Credenciamento gratuito e exclusivo para profissionais do segmento, lojistas, compradores, redes hoteleiras, entre outros. Clique aqui e faça seu cadasto.

Como deixar a casa fluida e funcional para a terceira idade?

Dicas de decoração e produtos para criar lares seguros e confortáveis para idosos.

Já falamos por aqui, sobre as casas de cada geração. Agora, vamos falar sobre as casas de um público específico: pessoas com mais de 60 anos. Porque os maduros? Porque apesar de cada pessoa ter seu estilo, quando a idade chega, alguns aspectos do cotidiano acabam sendo muito parecidos para todos. Fluidez, segurança, apoio e funcionalidade são palavras de ordem na hora de pensar os espaços onde os idosos vão viver. É preciso um olhar cuidadoso, pensar a longo prazo e estar atento a muitos detalhes.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para criar uma casa mais acessível. Confira abaixo:

O ambiente

Menos é mais na hora de pensar os espaços; a casa precisa ganhar mais acessibilidade e fluidez na circulação. Os ambientes devem ser bastante iluminados. Durante o dia, amplas janelas permitem maior entrada de luz natural. Para contribuir com a luminosidade, dê preferência ao uso da cor branca ou tons mais claros nas paredes e no teto. As cortinas devem permitir a entrada de luz e ainda garantir a privacidade.

A linha Corsica da Vescom apresenta um tecido semi-transparente com aparência de linho.

As portas devem ser generosas e ter medida maior que 0,90cm. Os móveis devem ser firmes, pois eles acabam sendo usados como apoio nos movimentos do dia-a-dia.

No catálogo da Pormade é possível encontrar portas com 90, 92 e 100cm de largura.

Tapetes e carpetes devem ser evitados ou devem ser fixados. Os tecidos das cortinas, almofadas, revestimentos de sofás e poltronas devem transmitir aconchego, com a idade a sensibildade ao toque aumenta. Para diferenciar pisos e paredes, deve-se optar pelo uso de cores ou revestimentos com contraste suficiente.

O Mini Totem Automático da Linha Pratik da QTMOV pode ser instalado em bancadas da cozinha, móveis e até mesmo em estofados. Para acioná-lo basta um clique e as tomadas subirão prontamente.

Evite fios espalhados pelo chão e certifique-se que o acesso às tomadas e interruptores seja facilitado, tanto na altura quanto na sua visibilidade durante à noite.

Espaços de circulação

As circulações devem  ser amplas e desimpedidas para evitar tropeços e também para o eventual uso de cadeira de rodas e passagem de duas pessoas lado a lado.

Arandelas de Jequitibá da Nova Home no projeto de Shirlei Proença. Foto: reprodução Instagram @ShirleiProenca

Nos corredores, arandelas na parede ou iluminação no piso contribuem para maior luminosidade. Em espaços de circulação maiores, alguns móveis podem ser incluídos para sentar ou serem usados como apoio.

A sala

Os móveis devem ser menores e fáceis de mover – eles precisam ser práticos para serem rearranjados na hora de acomodar as visitas dos filhos e netos.

A cadeira Savana é leve, seus braços auxiliam o sentar e levantar e a corda náutica proporciona conforto. A peça tem design de Fernando Zanardi para Marê Mobília.

A ergonomia é fundamental. Sofás, poltronas e cadeiras devem facilitar o sentar e levantar. Almofadas deixam de ser complemento e se transformam em grandes aliadas na hora de acertar a postura.

O sofá Biron do estudiobola possui uma boa relação entre altura, assento com firmeza média, e revestimento em tecido que sugere acolhimento.
Algumas estampas do catálogo da Tamtum. Além de uma grande variedade de tecidos, a marca também oferece almofadas prontas.

Dê preferência a móveis com bordas arredondadas para evitar batidas (com a idade a pele fica bastante sensível).

O quarto

O criado mudo deve ter a mesma altura da cama, isso também evita batidas desnecessárias. Trocar o abajur por arandelas na parede contribui para deixar o criado-mudo livre e tira os fios do chão. Almofadas na cama ajudam na ergonomia; os tecidos também devem ser suaves e ter texturas aconchegantes.

Bordas arredondadas na cômoda e criado-mudo Thae, design assinado por Luan Del Savio para a San German.
A Finotoc possui uma ampla linha de portas e puxadores que aliam design, funcionalidade, alto padrão de qualidade e acabamento.

Fique atento às corrediças e puxadores de armários e gavetas, eles devem facilitar a abertura e fechamento dos móveis, nada de gavetas travando ou portas pesadas. Portas de correr nos armários costumam ser mais confortáveis.

Cozinhas e banheiros

O ideal é que cozinha e banheiro tenham uma área para circulação desempedida. Dê preferência a pisos antederrapantes. Nesses espaços, o mobiliário também merece atenção: devem ser leves e suas corrediças e puxadores devem oferecer maior facilidade de uso.


Misturador eletrônico da Linha Smart da Bracci Metais. Com apenas um toque no visor é possível controlar temperatura e fluxo da água e ainda misturar água quente e fria. Essa funcionalidade torna o uso mais prático e contribui para a redução do consumo de água.

Torneiras com sistema de alavanca, sensíveis ao toque ou com sensor são mais fáceis de usar.

Essas são apenas algumas soluções e produtos que podem ser usados na hora de projetar casas seguras e confortáveis para idosos. Você encontra muito mais nos 11 segmentos da High Design Expo. A feira acontece de 21 a 23 de agosto e o credenciamento está aberto! Clique aqui e faça seu cadastro, é gratuito!

Bônus

Em nossa pesquisa, encontramos dados relevantes que podem ser bastante úteis para nosso segmento, orientando indústrias, designers, especificadores e projetistas na criação de  produtos, projetos e serviços. Compartilhamos com vocês abaixo:

_ de acordo com dados do Ministério da Saúde, 70% dos acidentes envolvendo pessoas acima de 60 anos acontecem dentro de suas próprias residências.

_ é possível reduzir cerca de 40% dos acidentes domésticos com casas pensadas no conforto e bem-estar dos idosos, segundo estudo de profissionais da USP (Universidade de São Paulo).

_ pessoas com mais de 60 anos representam mais de 15% da população do Brasil (estamos falando de 30,2 milhões de pessoas que são responsáveis por 20% do consumo no país).

_ dados do IBGE apontam que entre 2010 e 2050 a população brasileira com 60 anos ou mais vai triplicar, e em 2030 irá ultrapassar o número de crianças com idade de 0 a 14 anos.

_ 85% da população com mais de 60 anos têm vida ativa, controlam as próprias finanças e tomam decisões na hora da compra.

52 peças de mobiliário e objetos de design estão entre finalistas de premiação

Idealizador da High Design Expo e do Design Weekend Semana de Design de São Paulo, Lauro Andrade está entre os jurados do Prêmio Casa Vogue Design 2019.

A premiação que reconhece as melhores criações do design nacional está em sua terceira edição. Ao todo, 52 peças, entre móveis e objetos de design autoral com produção feita no Brasil, foram cuidadosamente selecionadas pela equipe da revista.

Os vencedores das 11 categorias serão escolhidos nesta quinta (14/03). Um único vencedor será escolhido por meio de votação popular. Clique aqui, conheça as peças selecionadas e escolha os seus favoritos. A premiação acontecerá no dia 25 de março.

Projetos de design de interiores, paisagismo e arquitetura são premiados

Em comemoração aos seus 30 anos, a Tidelli lança o Prêmio Outdoor Living. Arquitetos, paisagistas e designers de interiores podem inscrever projetos que tenha peças de mobiliário da marca.

Os projetos serão avaliados segundo os seguintes critérios: uso do mobiliário, funcionalidade, criatividade, paleta de cores, harmonia, originalidade, conforto e bem-estar.

Serão premiados os criadores dos melhores projetos de cada cidade brasileira que tenha loja da marca. O prêmio? 4 dias de celebração no Tivolli Eco Resort e divulgação nacional do projeto.

As inscrições podem ser feitas até  30/04/2019. Clique aqui, leia o regulamento e inscreva-se!

Berneck confirma participação na High Design Expo 2019

Os tons terrosos, assim como materiais que remetam a elementos naturais – em especial, as madeiras – fazem parte da coleção Origens que a Berneck lançou na High Design 2018.

As cores da coleção Origens da Berneck.

Na foto em destaque, a arquiteta Alessandra Duque usou o padrão Galliano no projeto de um quarto montessoriano.

A Berneck, produtora de painéis de madeira (MDP, MDF e HDF), já renovou sua participação para 2019. Você também está ansioso pelas novidades? Aguarde, a High Design Expo acontece de 21 a 23 de agosto.

Gestão atual da ABD é reeleita para mais três anos de mandato

A presidente em exercício Silvana Carminati, que assumiu a presidência da Associação Brasileira de Designers de Interiores (ABD) há pouco mais de um ano e meio, foi reeleita juntamente com sua vice Lia Strauss e o diretor financeiro Nicolau Nasser, para completar um ciclo inteiro dentro da instituição. Com sua expertise em gestão e Liderança de Pessoas, Silvana Carminati focará em resultados para tornar os planos de expansão da instituição – já em andamento – viável. Com sede em São Paulo, a ABD dirige 12 regionais em diferentes partes do país com o plano de totalizar 16 até o final desta gestão.

O norte principal da ABD para os próximos anos é dar ênfase aos temas que fortaleçam a atuação e valorização do profissional de Designer de Interiores como o estudo bilateral, que está em andamento com o CREA-SP com fortes perspectivas de incorporação dos Designer de Interiores ao sistema CREA/CONFEA. “Conseguimos estabelecer um peso político para a entidade sem perder a essência técnica que nos compete. Somos uma Associação reconhecida e respeitada nacionalmente nas esferas de poder e diante das entidades públicas e privadas da construção civil”, detalha Silvana, que é Bacharel em Design de Interiores pela Belas Artes São Paulo.

A Presidente eleita entende que é preciso um trabalho bem estruturado e estratégico no sentido de posicionar a profissão do Designer de Interiores no país, passando ainda pelo entendimento do próprio consumidor e cliente. “A Lei nº 13.369/2016 que reconhece e garante o exercício da profissão de Designer de Interiores desde 2016 foi apenas o início de tudo que viemos buscando para a categoria. Sabemos que há ainda muito mais por vir no sentido de mostrar ao país as vantagens da nossa capacidade técnica, competitiva e de inovação”, destaca.

Outros pontos como atuação da associação juntos as universidades através do Abd Acadêmico, expansão das regionais, a participação dos Designers de Interiores em ações de mercado, e novidades para o CONAD – Congresso Internacional de Designers de Interiores, estão na pauta da nova gestão.

O CONAD é realizado simultâneamente à High Design Expo. O congresso reúne centenas de profissionais de todo o Brasil para uma reflexão sobre o exercício da profissão.

Housed Wallpapers: papéis de parede para alta decoração

Para criar um clima tranquilo em qualquer ambiente: papel de parede degradê rosa e verde da Housed Wallpapers.

A marca importa matéria prima da Holanda e produz, na cidade de Gramado (RS), papéis de parede para alta decoração. Resistencia a arranhões e desbotamento, ausência de odor, e propriedades anti-fungos, bactérias e algas são algumas características dos produtos da Housed Wallpapers.

Conheça mais detalhes dos revestimentos da marca na High Design 2019. Enquanto agosto não chega, conheça os modelos no site, clique aqui.

Fernando Mungioli fala sobre o Arq + Smart Construction

Acima: José Augusto Nepomuceno e Fernando Mungioli durante Talk no espaço Arq+ Smart Construction

O Arq + Smart Construction é o novo espaço que estreou na High Design Expo 2018. Voltado para produtos e soluções para projetos de arquitetura, a novidade contou com 150m² que recebeu expositores com o tema especial Acústica em parceria com a ProAcústica. O espaço também trouxe aos visitantes uma área de Talks com a curadoria de Fernando Mungioli, publisher da Revista Projeto.

Confira abaixo a entrevista com Mungioli sobre os conteúdos abordados durante a High Design e as impressões sobre a primeira edição do Arq + Smart Construction:

Foram quantas horas de conteúdo rolaram no Arq+ ?

Foram mais de seis horas de conteúdo ao longo de 3 dias de evento.

Quais foram os principais assuntos presentes durante as falas?

Estipulamos três temas amplos: futuro, tecnologia e conforto. Em “futuro”, falamos sobre acessibilidade, mobilidade, longevidade e sustentabilidade. Em “tecnologia”, foram abordados o BIM, realidade aumentada, realidade virtual e outros assuntos, como impressão 3D. Em “conforto”, fizemos uma parceira com a Proacustica, e concentramos o conteúdo todo em conforto acústico, projetos, desempenho e especificação de materiais.

Na sua opinião, qual a importância de uma área como o Arq+ Smart Construction em uma feira como a high Design?

Traz ao público uma visão mais técnica sobre assuntos cotidianos dos arquitetos que projetam grandes obras. Hoje o mercado não tem um evento voltado para esse tipo de conteúdo, nem feiras voltadas a alguns produtos arquitetônicos importantes. O ARQ+ visa preencher essa lacuna.

Compartilhe conosco algum insight que você retirou da High Design 2018.

A feira é um grande hub de informação no segundo semestre, e o mais legal é que une um público que em tese não se encontra nos eventos do setor, sempre divididos entre eventos voltados a segmentos específicos. A High Design reúne todas as vertentes da arquitetura e design de interiores, em um só local.

CONAD 2018: o design além da forma na High Design

Palestra de Allex Colontonio e André Rodrigues.

Pelo terceiro ano consecutivo o  CONAD – Congresso Internacional de Design de Interiores aconteceu durante a High Design Expo. A parceria de sucesso tem objetivo de aliar o conteúdo de qualidade às novidades trazidas na feira. A edição 2018 trouxe com um set de palestrantes com nomes nacionais e internacionais para criar um debate coletivo sobre o tema “Design além da forma”. A curadoria ficou por conta de Wair de Paula, Diretor de Inovação da ABD, e Lia Strauss, nossa Vice-Diretora e Silvana Carminati, Diretora da ABD.

Lauro Andrade, idealizador da High Design Expo, fala durante abertura do CONAD.

Temas como “As contribuições do design para a felicidade humana” e “Design aumentado: criando histórias e projetando futuros” foram abordados durante os dois dias de evento com uma plateia cheia composta de designers de interiores, designers, arquitetos, profissionais da área, estudantes e acadêmicos.

Entre os nomes que compartilharam conhecimento durante o CONAD e engrossaram o caldo da conversa sobre o “design além da forma” estão: Sebastian Errazuriz designer chileno baseado em Nova Iorque; Joana Lira,  artista gráfica pernambucana e Paulo Mancio, Senior Vice President Design, Technical & Construction da AccorHotels.