Painel High Design: por que o design é tão importante durante e após uma pandemia?

design_pandemia.jpg
Fizemos esta pergunta para três acadêmicas de diferentes áreas do design. Confira as respostas!

As universidades são ambientes de pesquisa, berço de inovações tecnológicas, desenvolvedoras de tecnologias de ponta, local de debate, produção de conhecimento e capacitação de cidadãos para resolução e antecipação dos problemas que mais afetam a sociedade. Pensando nisso, resolvemos perguntar para três acadêmicas: Por que o design é tão importante durante e após uma pandemia? Você confere as respostas abaixo.


Com a pandemia, grandes problemas existentes e que já faziam parte da pauta do mundo contemporâneo tonaram-se urgentes. Nesse sentido, o design de produto destaca-se como potencial de transformação uma vez que é responsável pela criação de objetos analógicos e/ou digitais que impactam o modo de vida das pessoas, pois estes são capazes de alterar materiai s, compo rtamentos, usos e visões de mundo. Na pandemia, umas das áreas com a qual o design de produto mais interagiu, foi a área da saúde. Questões relacionadas a EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), respiradores, estruturas e mobiliários móveis para hospitais emergenciais, aparelhos para desinfecção, entre outros, passaram a polarizar as discussões e proposições, n&a tilde;o somente no que tange os usos, formas e funções, mas, também, a investigação de materiais biotecnológicos e o seu ciclo de vida mais sustentável, uma vez que o uso em escala global, nos trouxe questões ambientais ainda mais graves daquelas que enfrentávamos anteriormente. Com o isolamento e o distanciamento social, novos meios para o uso dos espaços públicos e privados têm sido necessários. Desde mobiliários específicos, até objetos e serviços que redesenham os usos e criam novos comportamentos, a necessidade para que a vida possa continuar nesse “novo normal” faz com que o design de produto assuma ainda mais visibilidade e , conseq uentemente, protagonismo no contexto atual. Vale destacar também o espaço do habitar em que novos usos e hábitos foram inseridos dentro do ambiente doméstico e com eles a necessidade de reorganizar o espaço para que ele pudesse assumir novas funções como a de “home office”. Embora uma modalidade já existente, com a pandemia ela se oficializou e trouxe a necessidade de adaptação para qu e muitos pudessem ter em sua casa essa nova atribuição. Deste modo, acredito que o design de produto cada vez mais assumirá protagonismo nas ações propositivas de novos modos de vida, mais sustentáveis, mais saudáveis, mais seguros e biointeligentes, uma vez que em um mundo pós-pandêmico as questões complexas emergentes geram a necessidade de ações sistêmicas entre materialidades e imaterialidades, e o design d e produto terá papel fundamental nesse processo de revisão.

Polise Moreira De Marchi, coordenadora do curso de Design da FAAP.  Polise Moreira De Marchi, coordenadora do curso de Design da FAAP.  


O impacto do design em nossas vidas é inegável — do celular cujo alarme nos acorda ao meio de transporte que utilizamos após nossa jornada de trabalho, todos os âmbitos do nosso cotidiano são permeados por projetos de equipes de design norteadas pelas mais diversas demandas. Quando nossas vidas não estão sendo determinadas por esses produtos ou serviços, estão sendo pelo menos balizadas por eles. Com o surgimento da COVID-19 e seu avanço em escala mundial, todos tiveram suas rotinas fundamentalmente impactadas e consequentemente revistas. Mudanças de paradigma na forma de se trabalhar, de se estudar e de se socializar estão ocorrendo diária e subitamente. Novos rumos estão sendo decididos a cada minuto, e muitos deles serão tomados por nós nos próximos dias, meses e anos. Nesse sentido, é evidente o protagonismo do design. O designer está na linha de frente do projeto, da busca por soluções e adaptações para uma sociedade que se acelera em direção à uma vivência quase integralmente digital, determinando os caminhos que estão sendo e serão estabelecidos, criando novas possibilidades e alternativas para as necessidades e anseios da nossa sociedade.

Mirelle Papaleo Koelzer, arquiteta e professora do curso de Design de Interiores da EBAC. Luana Graciano, professora de design gráfico na graduação britânica da EBAC.


Não é de hoje a importância do design de interiores na sociedade. Abrigo, conforto e proteção sempre foram necessidades primordiais do homem, mesmo nos mais diversos contextos sociais, culturais e econômicos. Porém, a pandemia do COVID-19 trouxe-nos importantes reflexões sobre a qualidade dos espaços que habitamos. Estando confinados em ambientes internos, passamos a experimentar uma nova relação com os espaços. A casa, costumeiramente um ambiente de maior permanência apenas nos finais de semana, agora abriga todos os familiares e as suas diferentes atividades, muitas vezes simultaneamente. De espaço de descanso e encontro, virou ambiente de trabalho, estudo, lazer, cinema, academia, não estando necessariamente preparada para tais funções. A partir dessas novas demandas, despertou-se a necessidade de maior conforto acústico nos ambientes, de iluminação adequada para os estudos e o trabalho, de privacidade para as reuniões online, de mais espaço para as práticas esportivas, entendendo-se assim a importância do design de interiores para muito além da questão estética. Privados do contato com a natureza, sentimos falta de elementos naturais e vegetação nos ambientes que nos rodeiam. Além disso, os protocolos de higiene estabeleceram uma rotina frequente de limpeza, demandando também a busca por materiais de fácil manutenção e assepsia. Certamente o confinamento que estamos vivendo em 2020, consequente da pandemia do COVID-19, ressignificou a relação dos indivíduos com os espaços, colocando o design de interiores como protagonista nas questões de qualidade de vida, conforto e bem-estar. 


Mirelle Papaleo Koelzer, arquiteta e professora do curso de Design de Interiores da EBAC. Mirelle Papaleo Koelzer, arquiteta e professora do curso de Design de Interiores da EBAC.


E pra você? Por que o design é tão importante durante e após uma pandemia? Deixe seu e-mail nos comentários. 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar